Passarela do Lago Igapó II em Londrina bate recorde de público durante a virada do ano



 O anúncio da contagem regressiva para a virada do ano no Lago Igapó II, feito através da árvore iluminada instalada no centro da passarela flutuante, reuniu muitas pessoas para comemorar esse momento especial. Segundo estimativas, cerca de 10 mil cidadãos estiveram às margens do lago, aguardando a chegada da meia-noite.

Para agradar a todos os presentes, o horário de funcionamento da passarela que atravessa o Igapó foi estendido até a 1h, sendo que essa atração apresentou um número jamais visto de visitantes desde a primeira vez em que foi implantada, em 2022. Na noite do dia 31 de dezembro, 5.003 pessoas atravessaram os 200 metros da estrutura. O número é 111% maior que o registrado na noite de 31 de dezembro de 2022, quando a passarela recebeu 2.363 visitantes.

Conforme o presidente do Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel), Alex Canziani, a inovação na decoração deste ano no Lago foi um dos pontos fortes para atrair o público. “Nós inovamos com a árvore tecnológica composta por 140 mil lâmpadas de LED, que juntas refletem imagens como se fossem a tela de uma TV ou do celular. E isso possibilitou que um vídeo com a contagem regressiva pudesse ser exibido pela primeira vez no Lago, e através de uma árvore de natal”, destacou.

Os 38 ambulantes, divididos entre os food trucks e barracas que estavam na Rua Joaquim de Matos Barreto, ao lado do Lago e em frente à entrada da passarela, mantiveram o funcionamento para atender o público durante a noite. Já o ônibus panorâmico que leva passageiros para dar uma volta pelos pontos decorados da cidade, e que tem sua partida em frente ao Iate Clube, também esteve ativo e fez a alegria de muitos turistas.

Desde a abertura, em 30 de novembro, até ontem (2), a passarela flutuante já recebeu 81.303 visitantes, segundo os marcadores da catraca que fica na entrada da atração. A lista inclui turistas vindos de outros países e das capitais de outros estados brasileiros, mas principalmente moradores das cidades da região norte do Paraná, que compareceram em massa.

Nestes 34 dias de atividade, a passarela não foi aberta para passeio em apenas seis dias, principalmente em decorrência de questões climáticas como chuvas e ventos fortes. Uma pesquisa sobre a cidade de origem de cada frequentador, feita na entrada da passarela, chamou a atenção para alguns detalhes, dentre eles a presença de pessoas de outros países como Itália, Portugal, Austrália, Argentina, Estados Unidos, Suíça e Colômbia. Moradores de estados mais distantes como Acre, Ceará e Pará também atravessaram os 200 metros da passarela.

O prefeito Marcelo Belinati ressaltou a força do Natal de Londrina. “Nosso Natal é referência de organização e entretenimento também. É um dos momentos mais esperados do ano pelo londrinense, porque ele vai poder usufruir de momentos com a família em pontos da cidade que estão lindos, além de ter o prazer de levar seus parentes para que conheçam esses pontos. As pessoas daqui se sentem orgulhosas”, pontuou.

O clima natalino, aliado à ampla decoração, tem despertado vários sentimentos positivos e também ideias criativas nos frequentadores, que vão além de meras fotos e vídeos. Entre esses momentos especiais, esteve um pedido de casamento surpresa feito em frente à árvore iluminada. A jovem Giovanna, de 22 anos, pediu o namorado, Walisson, de 21 anos, em casamento, depois de dois anos de namoro. A resposta dele? Foi sim.

As atrações ao redor do Lago têm fomentado a economia da cidade e estimulado os visitantes a permanecerem por mais tempo naquela região. A Encantos Náuticos, empresa que gerencia os pedalinhos do Lago Igapó II, também ampliou o seu horário de atendimento, permanecendo em funcionamento todos os dias até as 23h.

Para agradar a todos os paladares, 38 ambulantes oferecem diversas opções de comidas e bebidas até a 0h. Dois ônibus decorados e com som fazem a festa dos visitantes que querem percorrer um trajeto pelos pontos iluminados, com valores que variam de R$ 10 a R$ 20.

No embalo de todas essas ações, a Carreta Fabulosa proporcionou passeios gratuitos, em parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS). Essas atividades envolveram crianças, adolescentes, adultos e idosos que são atendidos nas unidades dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e do Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV).

(David Jônatas/NCom. PML)

Comentários