Ceará passa pelo Santos e vai às quartas de final da Copa do Brasil

O Ceará recebeu o Santos na Arena Castelão, em Fortaleza (CE), para disputar a partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil nesta quarta-feira (4). Depois do empate sem gols na ida, o duelo teve equilíbrio mais uma vez, mas Vinícius garantiu a vitória do Vozão por 1 a 0 e a classificação para as quartas de final com um belíssimo voleio no segundo tempo. O adversário da equipe será conhecido na próxima sexta-feira (6).


O jogo


O primeiro tempo foi muito bem disputado, mas terminou sem gols. O Ceará começou na pressão, e Vinícius aproveitou susto em saída errada do goleiro para arriscar de longe aos dois minutos, mas João Paulo se colocou corretamente e encaixou. Aos oito, a resposta do Santos saiu de Soteldo, que arriscou de pé esquerdo e fez a bola passar ao lado da trave. O arqueiro do Peixe fez nova intervenção aos 17, defendendo remate cara a cara com Rafael Sóbis. Novamente pelos pés de Soteldo, o time paulista voltou a ameaçar aos 24 com bonito voleio da entrada da área, mas a finalização foi rente ao poste.


Depois disso, o Vozão buscou ser mais ofensivo, mas as tentativas tiveram pouca precisão - a mais próxima delas foi de Sóbis, que bateu forte de longe e viu o chute passar ao lado. A veia acrobática dos visitantes voltou a aparecer aos 39, em tentativa de bicicleta de Marinho após saída errada de Fernando Prass; contudo, a bola foi para fora. No minuto seguinte, um contra-ataque rápido deixou Soteldo na cara de Prass, mas a finalização saiu torta. A equipe cearense ainda retornou ao ataque e ameaçou em duas cabeçadas de Luiz Otávio, mas não conseguiu ir para o intervalo em vantagem.


As duas equipes voltaram mais cautelosas para a etapa final, com leve domínio do Santos: a primeira chance foi de Sandry, em chute por cima aos 11. Aos 22, o Vozão respondeu com Eduardo, em bomba de longe encaixada por João Paulo. E dois minutos depois, aos 24, o Ceará jogou a bola na área, a zaga santista cortou parcialmente e ela sobrou para Vinícius, que emendou um belíssimo voleio para abrir o placar. Precisando marcar para levar o duelo para os pênaltis, o Peixe tentou se lançar à frente aos poucos. Já aos 39, Lucas Braga fez boa jogada individual, mas a finalização foi para fora. Porém, este foi o único lance de perigo dos paulistas, que pouco ameaçaram a classificação cearense. No último minuto, Sandry ainda levou vermelho direto por falta dura em Lima.

(Texto: CBF. Foto: Kely Pereira/AGIF)

Comentários

+ lidas nos últimos 30 dias!

Mega-Sena acumula

Professores da Secretaria de Esportes de Maringá realizam lives dos centros esportivos

Amavolei Maringá larga com vitória na Superliga C masculina