Inter passa pelo Botafogo e segue na ponta do Brasileirão


Vitória e liderança! O Clube do Povo superou o Botafogo, na noite de sábado (29/08), em partida da sexta rodada do Brasileirão. No Nilton Santos, Thiago Galhardo e Boschilia marcaram na vitória alvirrubra por 2 a 0, resultado que levou o Inter aos 15 pontos no Nacional. Desta forma, os comandados de Coudet mantêm a primeira colocação independente das demais partidas do final de semana. Na próxima quarta-feira (02/09), às 21h30, o Colorado volta a campo para enfrentar, o São Paulo, o Palmeiras.

 

 

Primeiro tempo de luxo

O Inter entrou em campo com novidade no time titular. D’Alessandro foi o eleito por Eduardo Coudet para compor o ataque ao lado de Thiago Galhardo, e a escolha se provou acertada logo aos três minutos, quando o camisa 10 colorado pegou a sobra de cruzamento de Saravia e, por muito pouco, não abriu o placar. A oportunidade, porém, não foi lamentada por muito tempo. Aos cinco, Cuesta serviu Moisés, que foi ao fundo pela esquerda e cruzou açucarada para testaço de Thiagol, responsável por inaugurar o escore.

 

Maduro, o Clube do Povo reduziu o ritmo após o gol, consciente de que seguir com a mesma postura seria fisicamente insustentável. O respiro passou longe de significar recuo, prova da posse de bola colorada, sempre próxima à casa dos 60%. Inteligente, o Inter também escolheu o momento certo para voltar a pressionar. Aos 27, após tabela com D’Alessandro, Galhardo deixou Boschilia de cara com Gatito, e o camisa 21 não titubeou para ampliar. Depois do gol, cada equipe teve uma chance. Para os mandantes, Babi marcou, mas teve seu tento anulado pelo VAR. De parte alvirrubra, Thiago quase fez, aos 47, o terceiro do time de Coudet.

 

Segundo tempo da experiência

 

Em dívida no marcador, o Botafogo bem que tentou encurralar o Inter nos minutos de abertura do segundo tempo, mas nada conseguiu criar diante de um Clube do Povo que seguiu cozinhando o duelo. A resposta de Autuori veio com duas trocas. Logo após as mudanças, Bruno Nazário, um dos alçados a campo, balançou as redes coloradas, mas o tento foi invalidado após consulta ao VAR.

 

Correta, a anulação do gol arrefeceu o ânimo dos mandantes, que seguiram pouco eficientes na frente, diferente do Colorado, que quase marcou, aos 43, com Marcos Guilherme, completando excelente contra-ataque puxado por Edenilson e Galhardo. Por fim, aos 50, Lomba operou milagre após cobrança de falta de Danilo Barcelos e garantiu o 2 a 0 vermelho!

(Foto: Ricardo Duarte/Inter)

 

MAIS...

 

Comentários

+ lidas nos últimos 30 dias!

Mega-Sena acumula

Giovana Marinoski disputa o Open do Sul-Brasileiro no Beto Carrero

Maringá Futebol Clube anuncia mais 3 reforços para a Segundona do Paranaense