Plano de Retomada Econômica encerra etapa de pesquisas em Maringá


A força-tarefa organizada pela Prefeitura de Maringá, por meio da Secretaria de Fazenda (SeFaz), Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico (Seide) e Sebrae, para organizar o Plano de Retomada do Desenvolvimento Econômico e Social da cidade encerrou ontem, 22, a fase de coleta de dados. Resultado deve ser divulgado na próxima semana. Foram aplicados 1.027 questionários online contemplando micro e pequenas empresas, médias e grandes e microempreendedores individuais .

Objetivo é apoiar os diversos segmentos econômicos neste momento, em que a pandemia desafia a sobrevivência das empresas e no cenário pós-crise sanitária. O Plano de Retomada Econômica e Social se propõe a criar as bases para a geração de empregos, estímulos a novos investimentos, capacitação profissional, facilidades de crédito, entre outras ações. Iniciativa integra um conjunto de medidas para favorecer a economia.

“A compreensão de que o momento é desafiador para todos também precisa ser refinada no sentido de que a economia precisa de um plano de manutenção e retomada das atividades. A nossa prioridade é salvar vidas. Mas temos um olhar muito atento sobre os mais diversos segmentos, preservando o diálogo com setores econômicos e de serviços para buscar a saída mais adequada para superar esta delicada situação. É esforço coletivo”, afirma o prefeito Ulisses Maia. 

• Saiba mais sobre o Plano de Retomada.
http://www2.maringa.pr.gov.br/site/index.php?sessao=7d4c769433557d&id=36561
(Texto: Andye Iore. Foto: Aldemir de Moraes/PMM)

Comentários

+ lidas nos últimos 30 dias!

Mega-Sena acumula

Giovana Marinoski disputa o Open do Sul-Brasileiro no Beto Carrero

Pia Sundhage completa 1 ano à frente da Seleção Brasileira feminina