No Brasil, 100 milhões de pessoas vivem em cidades sem futebol


No relatório anterior apresentamos o primeiro panorama do nosso Raio X do Futebol Brasileiro por estado. Os dados, ainda que já esperados para muitos, não deixam de impactar àqueles que se preocupam com o desenvolvimento do futebol no país. Se no âmbito estadual, nosso calendário de competições profissionais revela a desigualdade que há entre as diferentes unidades de federação, quando nos aprofundamos nas particularidades de cada município percebemos o quão escasso é o futebol profissional no Brasil. Afinal, mais de 90% de nossas cidades não contam com clubes profissionais, o que leva seus habitantes a procurarem jogos em outros centros ou mesmo optarem por outros conteúdos de entretenimento.

No entanto, é também quando nos debruçamos sobre o cenário municipal que encontramos as tantas oportunidades que o nosso futebol desperdiça, nos deixando ainda mais distantes de nos transformarmos em uma indústria de relevância no futebol, não só na revelação de craques, mas também na organização de competições com alcance global

Para acessar é só clicar no link: https://www.pluriconsultoria.com.br/parte-2-raio-x-do-futebol-brasileiro-por-municipio/

Comentários

+ lidas nos últimos 30 dias!

Mega-Sena acumula

Maringá FC vence Araucária e volta à Primeira Divisão do Campeonato Paranaense

Amavolei Maringá larga com vitória na Superliga C masculina