Projeto Social Núcleo Vôlei Ricardinho finaliza atividades em Maringá

Com imensa tristeza, comunicamos o encerramento do projeto social Núcleo Vôlei Ricardinho (NVR), que vinha atendendo crianças e adolescentes desde maio de 2017. O projeto social, fundado pelo campeão olímpico Ricardinho, atendia cerca de 400 alunos até o final do ano passado, ofertando treinamentos diários gratuitos. Crianças e adolescentes de 8 a 18 anos tinham acesso ao aprendizado do voleibol em diversos núcleos de ensino da Rede Pública Municipal, Estadual e Privada na cidade de Maringá.

O projeto era focado em gerar transformação positiva da história e na qualidade de vida de seus alunos e familiares, além de transformar e democratizar a vida das famílias por meio do voleibol. O NVR também desenvolvia atividades com o propósito de reunir a comunidade em ações sociais, esportivas e de lazer, integrando famílias e promovendo a igualdade social.

Por conta da atual situação financeira do Maringá Vôlei e do NVR, que não recebem repasse do único patrocinador há mais de três meses, não será possível o retorno às atividades, que estava previsto para a próxima semana. O clube ressalta que está tomando todas as medidas cabíveis para acionar o patrocinador e resolver a questão, mas que até agora não obteve nenhuma resposta concreta. Garante também que tentou, de todas as formas possíveis, alternativas com outros empresários e com nosso município que pudessem manter o projeto, mas não obteve sucesso.

A Diretoria do clube, professores e instrutores lamentam profundamente ter que encerrar um projeto tão bonito, que estava modificando a vida de milhares de famílias. O projeto tinha a intenção de mostrar que era tempo de voltar a investir no esporte, nos valores e princípios familiares, oferecendo para as famílias um tempo de qualidade através do voleibol, um alicerce para conectar pais, filhos, tios e avós.

Agradecemos às crianças e adolescentes que passaram por nossa equipe, aos pais, familiares e apoiadores do projeto, que sempre nos trataram com muito carinho. Esperamos que o NVR possa ter plantado boas sementes nos corações de cada aluno e que o esporte possa ter a valorização que merece para continuar transformando vidas.

Diretoria Maringá Vôlei e NVR

(Foto: Divulgação)

MAIS... www.radiomaringa.com.br

Comentários

+ lidas nos últimos 30 dias!

Consultor do Athletico esclarece decisão do TCE-PR

Atletas de seleção tentam parcerias para se manterem em forma

O primeiro jogo do Coritiba há 110 anos