Sheilla se despede do Minas Tênis Clube

MAIS...

A oposto Sheilla não seguirá no Minas Tênis Clube. Na segunda-feira, ela confirmou a saída do clube por meio de suas redes sociais e se despediu dos torcedores.


“Muitas pessoas perguntando se fico ou não no Minas, há algumas semanas já. Eu não vou renovar. Agradeço ao Minas todo apoio, agradeço por ter acreditado e investido na minha volta! E fico feliz de termos conquistado um de nossos objetivos na última temporada que foi o Sul-Americano. Infelizmente a Superliga teve que ser interrompida e não conseguimos brigar pelo segundo objetivo. Mas essa pandemia fez eu e meu marido repensarmos muitas coisas, e por isso a decisão de não renovar!"


"Obrigada de coração a todos do Minas, ao pessoal da família Itambé, à torcida maravilhosa e aos meus fãs pelo apoio sempre! E não sei se vocês sabem mas sou sócia do Minas desde bem pequenininha, então é o clube do meu coração. Quando tiver mais novidades aviso”, acrescentou.

 

A bicampeã olímpica de vôlei com a Seleção Brasileira, em 2008 e 2012, retornou ao Minas em maio do ano passado. Essa foi a segunda passagem de Sheilla pelo clube. 

 

A oposto também havia atuado pela equipe entre 2001 e 2004. Na temporada 2001/2002, ela conquistou a sua primeira Superliga. Em 2002 e 2003, a jogadora também venceu o Campeonato Mineiro.

 

Para a temporada 2020/21, o Minas anunciou a contratação da norte-americana Cuttino para a posição.

 (Foto: Divulgação/Minas)


Comentários

+ lidas nos últimos 30 dias!

Mega-Sena acumula

Giovana Marinoski disputa o Open do Sul-Brasileiro no Beto Carrero

Maringá Futebol Clube anuncia mais 3 reforços para a Segundona do Paranaense