Recuperada de lesão, ginasta Rebeca Andrade já treina em Portugal

Totalmente recuperada de uma lesão no ligamento cruzado do joelho direito, Rebeca Andrade pode ser considerado um reforço de peso para a seleção feminina de ginástica artística, que está treinando em Sangalhos (Portugal). Ao final da primeira semana de atividades, a ginasta de 21 anos é uma das mais animadas com a Missão Europa e uma das que está melhor aproveitando a oportunidade.

“É uma sensação muito boa (estar de volta), porque ficamos muito tempo treinando em casa. Foram quatro meses e, para quem ama estar dentro do ginásio, isso é bem complicado. Então, fiquei feliz que disponibilizaram esta viagem. Isso é importante para a nossa preparação, nossos treinamentos e competições. Estou bem empolgada com esse retorno”, diz a atleta do Flamengo, que está treinando em Portugal na companhia de Flávia Saraiva, Lorrane dos Santos, Thais Fidelis, Carolyne Pedro e Christal Bezerra.

Rebeca não tem vaga assegurada nos Jogos Olímpicos de Tóquio, mas, devido à cirurgia – a terceira neste joelho nos últimos quatro anos –, terá mais tempo para se recondicionar física e tecnicamente até a disputa do pré-olímpico. Nesse sentido, a pausa forçada pela pandemia também se mostrou um aspecto favorável.

“Para mim, confesso que foi muito bom, porque tive um período de oito meses parada. Foi uma cirurgia bem complicada, e tive tempo para me recuperar, cuidar do meu joelho, tratá-lo e dar uma descansada”.

Esta não é a primeira vez que a ginástica artística realiza um período de treinamentos em Sangalhos. O mesmo se aplica a Rebeca Andrade, que inclusive já disputou uma etapa de Copa do Mundo na cidade em 2016, tendo conquistado duas medalhas de prata (trave e solo).

“Vim outras duas vezes a Portugal, competi aqui e fui super bem. É muito bom estar de volta, já estou me sentindo em casa”.

A ginástica brasileira está com 22 atletas em Sangalhos: seis na artística masculina, outros seis na feminina, e dez na ginástica rítmica. Ao todo, o Time Brasil já conta com 72 atletas em Portugal, mas a expectativa é que este número passe de 200 até dezembro, quando se encerra a Missão Europa.
(Foto: Alexandre Castello Branco/COB)

MAIS...

Comentários

+ lidas nos últimos 30 dias!

Mega-Sena acumula

Maringá FC mostra os últimos reforços para o Paranaense da Segunda Divisão

Professores da Secretaria de Esportes de Maringá realizam lives dos centros esportivos